fbpx

Como um ERP pode transformar seu negócio?

Se você é gestor e está passando por um momento difícil no controle do seu negócio, neste artigo você vai entender como um ERP pode transformar a gestão da sua empresa.

Para quem ainda não sabe, ERP é uma sigla em inglês, Enterprise Resource Planing, que significa Planejamento de Recursos da Empresa. 

O software ERP é uma ferramenta capaz de integrar todos os departamentos da empresa e conectar dados de diferentes áreas, e assim automatizar processos.

Ao automatizar operações, você deixará todo fluxo de trabalho mais ágil, prático e à prova de erros. Além de poder fazer um acompanhamento das rotinas diárias em tempo real.

Porém, atente-se! Não se esqueça que o ERP é uma ferramenta tecnológica, e que sozinha não opera. A melhoria da gestão envolve ter o software ERP como grande aliado de pessoas e de processos.

Para aproveitar ao máximo toda experiência de gestão integrada que um ERP pode te oferecer, é interessante que você entenda os seguintes pontos:

Quando implantar um ERP?

Geralmente, a necessidade de um software ERP é percebida em momentos de baixa dentro da empresa. Esse caos muitas vezes é causado por dificuldades de acesso à informações ou setores mal integrados.

Para identificar esses problemas que podem causar um caos no seu negócio, reflita as seguintes questões:

  • De quantos colaboradores você depende para conseguir informações completas?
  • Você perde vendas por conta da falta ou demora de comunicação interna?
  • Você sabe exatamente suas contas a pagar e a receber (a curto/médio/longo prazo)?
  • Consegue fazer estratégias assertivas com base em dados atualizados?
  • Sabe qual o tempo total do seu fluxo de produção > venda > entrega > recebimento > pagamento ?
  • Existe algum gargalo em seus processos, por conta da super demanda?
  • Tem controle absoluto do seu estoque?
  • Seus produtos estão todos girando bem?
  • Quais seus custos X Qual seu capital de giro?
  • Quais lucros e benefícios você vai ter com novas melhorias?

Se a maior parte das suas respostas estiverem resultando em impactos negativos para sua empresa, é momento de você começar a buscar uma solução em automação. E o próximo passo será o da escolha.

Como escolher um software ERP? 

Como implantar um sistema de automação em gestão empresarial é algo totalmente novo e que vai mudar suas rotinas, os primeiros momentos são de extrema importância para que sua jornada com o software escolhido seja feliz.

Por isso, é interessante analisar:

  • O melhor custo-benefício;
  • O processo de implantação deve ser fácil e você deve contar com o apoio de uma equipe de suporte técnico;
  • Veja uma demonstração do sistema antes de optar definitivamente, para ter noção do grau de dificuldade ou facilidade de uso;
  • A empresa contratante oferece qualidade na entrega? Observe os feedbacks de quem já é cliente;
  • As funcionalidades devem atender suas necessidades, de nada adianta contratar um software com diversas funções mirabolantes se elas não forem o que sua empresa precisa;
  • Você precisará investir em novos equipamentos para que suportem o sistema contratado?
  • Você terá o apoio de um time qualificado de suporte técnico?
  • Qual a experiência dos fornecedores do sistema com seu segmento?

Ao observar e fazer uma pesquisa de mercado, você conseguirá reparar qual fornecedor melhor te atenderá. Sabendo do seu objetivo central e das respostas acima, você consegue definir qual a melhor empresa para te atender e qual custo benefício valerá a pena para o seu negócio.

Nesse momento, você já começa a perceber como o sistema poderá tirar a sua empresa de situações críticas e colocá-la em uma situação mais segura e até mesmo de destaque no mercado.

Mas afinal, como o ERP é capaz de transformar sua empresa?

Entenda que se o seu negócio está passando por um momento turbulento, existe uma causa para isso. E essa causa muito provavelmente poderia ter sido evitada se você soubesse quais consequências estavam por vir.

Mas isso é natural, e pode ocorrer em qualquer empresa a qualquer momento. Por que estou te falando isso?

Vamos lá, sua empresa hoje tem gargalos que precisam ser solucionados, e o ERP será o meio utilizado como solução.

Essa solução precisa ser bem aplicada, e por isso, passar por alguns momentos:

1° momento: Abastecimento

Você precisará abastecer o sistema com seu banco de dados. Essa é uma fase simples e relativamente rápida, porém de suma importância, e o ideal é que seja preenchido da maneira mais correta possível.

Registrar seus números, cadastrar produtos, clientes, fornecedores, colaboradores, estipular promoções, preços, kits de venda, contas a pagar, contas a receber, tributações, formas de pagamento, integrações e etc.

Afinal de contas, para o sistema rodar, ele precisa estar alimentado de todas as informações necessárias para que as funcionalidades cumpram seu papel.

2° momento: Treinamento

Agora que seu sistema está alimentado e pronto para rodar, é hora de treinar sua equipe para o uso do sistema.

Essa é uma etapa que vai depender de um fator importante que foi citado no momento da escolha do sistema: a qualidade e disponibilidade do time de suporte para treinamentos. Além disso, é pertinente incentivar o interesse da equipe em usar o sistema, e assegurá-los que esse é um meio eficaz de aumentar e melhorar a produtividade.

Com um treinamento bem feito, você é capaz de usar os softwares de maneira completa, e aproveitar todas as funcionalidades em 360º do seu negócio.

3° momento: Utilização e teste

Depois de treinados, você deve colocar em prática junto com a sua equipe tudo aquilo que foi aprendido. Dessa forma, conseguirão estabelecer como será o melhor fluxo, e se ainda ficou algum gargalo ou dúvida. Caso sim, poderão retornar ao suporte para alinhar as informações e tirar as dúvidas novamente.

Com isso feito, os processos poderão ser validados e colocados de fato para rodar.

4° momento: Transformação da rotina

Bom, com tudo abastecido, estabelecido e testado, agora é a hora de decolar sem medo.

Agora tudo aquilo que você estudou, comprou, treinou e adaptou ao seu fluxo deve ser colocado em prática por todo o time.

Nesse momento você verá as rotinas da sua empresa fluindo de forma mais ágil, alinhada e simples.

Os departamentos terão uma conexão de informações entre si, sem a necessidade de um cruzamento manual de planilhas ou retrabalhos. 

Dessa forma, a produtividade da empresa automaticamente aumenta, e as suas estratégias como gestor poderão ser traçadas de forma muito mais assertiva, pois você terá uma visão macro de todo seu negócio.

5° momento: Validações

Com tudo funcionando, agora uma importante tarefa é analisar relatórios. Dessa maneira, você pode validar que tudo está fluindo de acordo com o esperado.

Assim, com o devido acompanhamento e validações, você percebe pequenos gargalos (que são naturais de acontecerem) e consegue solucioná-los antes que virem um problema maior.

Além disso, conseguem ter tempo disponível para desenvolver novas ideias e melhorias. 

Consegue perceber que potencializar a sua gestão, utilizando de uma solução tecnológica, vai tornar na verdade sua empresa mais humanizada? Um software ERP vai ser capaz de transformar a empresa pois ele é o fio que vai unir sua boa gestão com a qualidade da sua operação, e automatizar processos que serão mais eficientes sendo à prova de erros.

Um software ERP pode transformar e elevar o seu negócio a vários níveis, e mais do que isso, tenha a consciência de que uma gestão inteligente ultrapassa qualquer ferramenta por ferramenta. Os bons resultados que você almeja, virão da sua boa gestão, com boas ferramentas como potencializadores.

Agora que você já sabe de tudo isso, você está pronto para adotar um ERP para transformar o seu negócio! Vamos participar de uma demonstração das soluções Global Sistemas? Agende agora!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Artigos Recentes